Publicado por: Eder & Fabi Rezende | 01/04/2012

Amigos de Viagem – Viajando com Jesus e seu díscipulo Sérgio – Eslováquia

Foi em um trem de Budapeste a Bratislava durante nossa Viagem de Volta ao Mundo que conhecemos Jesus e seu discípulo Sérgio. Depois deste encontro nossa viagem foi sempre mais alegre, divertida, em resumo iluminada. Desde então só viajamos acompanhados desta dupla. Aqueles que pensaram que nosso blog agora tem caráter religioso, católico, evangélico ou pentecostal, é porque não leram o texto com atenção. O Jesus mais famoso nunca teve um discípulo de nome Sérgio. Estamos falando dos nossos amigos espanhóis da foto abaixo. E como nesta dupla engraçadíssima nada é óbvio, os cabelos longos são do Sérgio e o careca é nosso Jesus.

Eder, Jesus, Sérgio e Fabi

Sentados calmamente esperando a partida do trem vimos entrar ofegantes um casal e dois homens muito ruidosos. Em poucos segundos o trem já seguia para Bratislava assim como a conversa ao lado em alto e bom som. O cabeludo falava inglês com seu interlocutor e o careca só espanhol com a mulher que parecia não entender uma só palavra. Se Jesus fala em todas as línguas, o nosso não fala nada que não seja espanhol, inclusive termos bizarros como Príncipe Carlos da Inglaterra (mais conhecido no Brasil como Charles da Diana), balón mano (handball) ou góglê (google). Após muitas risadas da dificuldade de comunicação, resolvemos ajudar o Sérgio na tradução da palavra telenovela do espanhol para o inglês (soap opera). Foi assim que Jesus veio se sentar ao nosso lado ao descobrir que apesar de não sermos espanhóis poderíamos falar o idioma que ele tanto queria naquele momento. Nos poucos minutos que nos separavam de nosso destino final surgiu além de uma amizade forte e verdadeira, o convite para viajarmos juntos para o interior da Eslováquia em um carro alugado. E porque não.

Muitos jamais entrariam em uma aventura com desconhecidos, mas em se tratando de Fabi e Eder valia o risco, ainda mais viajando protegidos por Jesus. Mapa na mão e pé na estrada. Destino final do primeiro dia era Poprad aos pés das Montanhas Tatra, com direito a uma escala no castelo Trenciansky na cidade de Trecín. Por isso a Eslováquia é tão encantadora para nós: lugares belos e desconhecidos só esperando para serem desbravados. O castelo pode ser visto de longe, pois fica no alto da cidade, mas o acesso não é tão fácil. Simples, é só parar e perguntar. Mas em eslovaco? Sérgio fala, ou acha que fala todas as línguas que Jesus não fala. Ele disse: “Já fui à Polônia e idiomas eslavos são muito parecidos. Pare o carro que vou perguntar.” Não conseguiu formular nem uma frase completa. Só falou a palvra hrad (castelo) para um velhinho. O senhor bastante atencioso disse: Hrad sa prvý pravej a druhý vľavo. Nem bem fechou a janela do carro, perguntamos em coro: Qual direção tomamos? Só pela cara dele já sabíamos a resposta: Nem idéia. Uma vez no castelo tivemos uma lição sobre adagas, bestas, sabres e Idade Medieval. Acabávamos de descobrir dois segredos do Sérgio: 1) ele é professor de história e fissurado em armas e guerras antigas. 2) Hrad era uma palavra que ele não sabia até poucos segundos, apenas a viu escrita em uma placa de sinalização ao lado de um desenho de um castelo.

Olhando a placa, até eu

Poprad nos esperava e caímos na estrada novamente. Com tempo para conversar, aos poucos nos conhecíamos melhor. Jesus e Sérgio são a versão espanhola de Tom e Jerry, sempre peleando, mas nunca separados. Vivem juntos em uma república de professores com outros amigos. Nas férias quando podem se ver livres um do outro, coincidentemente o destino escolhido por ambos é sempre o mesmo. Segundo Sérgio, Jesus é o desgosto da mãe. Como pode uma mãe peluquera (cabeleireira) com um filho careca. Poprad já era uma cidade fantasma às oito da noite e as poucas almas que encontramos na rua, pouco acostumados com turista, fugiam da gente. Foi a deixa para Jesus cutucar Sérgio. Segundo ele, o cabelo comprido e a barba de Sérgio eram motivos mais que suficiente para meter medo em qualquer cidadão eslovaco de bem.

Sem ninguém para pedir informação, encontrar um lugar para dormir não foi fácil. Após rodar muito topamos com um hotel. Logo na entrada percebemos que não era lugar para nós ($$$$$). Sem alternativa, perguntamos sobre hospedagem aos maiores especialistas: no próprio hotel. O recepcionista fez aquela cara de quem estava fazendo um gol contra, mas como percebeu que a possibilidade de dormirmos ali era a mesma de um elefante passar em um buraco de uma agulha, indicou um hotel bem mais em conta a dois quarteirões de distância. O tripé da sobrevivência estava quase completo. Já tínhamos transporte (carro alugado), hospedagem, faltava só a comida. Para isso contamos com a sorte. Após constatar que todos restaurantes indicados pelo nosso hotel estavam fechados, passávamos em frente a um belo sobrado ainda de barriga vazia, quando Jesus, o nosso, fez o milagre da multiplicação dos restaurantes. Ele viu um pequeno xerox colada na porta do sobrado. Só de farra foi conferir o que estava escrito e para surpresa de todos, as letras diziam: RESTAURANT. Durante nossa breve estadia em Poprad só comemos no que ficou conhecido entre nós como restaurante do xerox.

Restaurante do xerox

No dia seguinte subimos as montanhas Tatra. Depois de meia hora parados em um teleférico sem energia e encharcados por uma chuva torrencial o dia ainda parecia bem divertido com nossos novos amigos. Tanto que tivemos bom humor para tirar umas fotos fingindo cara de tristeza como esta abaixo.

Artistas dramáticos

Montanhas Tatra

A tarde caia quando passamos no mercado e fizemos um estoque das mais variadas cervejas eslovacas para saboreá-las no próximo destino.

Cerveja eslovaca em garrafa PET de 2 litros

Muitas risadas depois chegamos a Zilina. Todas as ruas do centro fechadas aos carros, pois o time de futebol da casa jogava naquela noite. Ainda brincamos: deve ser um jogo contra o Chelsea tamanha quantidade de pessoas na saída do estádio. Dois anos depois o Zilina receberia o Chelsea pela Liga dos Campeões. Mais uma profecia de Jesus que se cumpria.  Cansados, o jantar regado a muita cerveja foi no quarto mesmo. Mas sem frigobar tivemos que recorrer à geladeira da cozinha do hotel. O escolhido para descer e pegar as garrafas era sempre Jesus, afinal ele precisava praticar inglês. Num inglês capenga ele dizia: Please a one beer, e todos incluindo ele mesmo riam.

Depois desta viagem inusitada e inesperada nossa amizade só cresceu e nas férias seguintes nos reencontramos desta vez no Brasil, mas esta é uma história para outro post.

Veja Também:

A Comédia da Sauna Russa – São Petersburgo – Rússia

A Enigmática Budapeste

Três Lugares de Arrepiar os Cabelos – Auschwitz – Polônia – Parte I

About these ads

Responses

  1. Eder e Fabi, Adoro as estórias de Jesus e o romanceado do Eder fazem o conto mais engraçado ainda.
    Um beijo (pra Amelie também)
    Nicia

    • Olá Nícia

      Jesus e Sérgio são mesmo uma dupla do barulho, diversão garantida.

      bjs

      Eder, Fabi e Amélie

  2. Muito legal, adorei!

  3. O q dizer??? Fantástico texto e mais fantástico ainda a história contada e a experiência vivida. Parabéns meninos! Bjs

  4. Nos divertimos demais lendo este post! Que aventura hein?!
    Mais uma vantagem de viajar de trem pela Europa: fazer amigos de diferentes culturas mas com o mesmo espírito aventureiro!
    Rail Europe Brasil.

    • Olá galera do Rail Europe

      aventura e tanto. Os trens são o meio mais fácil de transporte pela Europa e ainda por cima podemos viver histórias inesquecíevis como esta. Vale a pena

      grande abraço

      Eder

  5. MUITO BACANA A HISTORIA DE VOCES…. PARECE QUE O JESUS ERA O MAIS ENGRAÇACO!!!! RS
    ABÇ,
    OTÁVIO

    • Olá Otávio

      Jesus é uma figura. Se você viajar com eles para um lugar bem sem graça, mesmo assim a viagem será divertidíssima.

      grande abraço

      Eder

  6. [...] Amigos de Viagem – Viajando com Jesus e seu díscipulo Sérgio – Eslováquia [...]

  7. [...] Amigos de Viagem – Viajando com Jesus e seu díscipulo Sérgio – Eslováquia [...]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 440 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: