Publicado por: Carol & Paulo Mendes | 12/07/2012

Cataratas do Iguaçu – Lado Argentino – Roteiro de 3 dias em Foz do Iguaçu – Dia2

Belo Arco-Íris em uma paisagem deslumbrante

No segundo dia do nosso passeios fomos para Puerto Iguazú (vejam como foi o primeiro dia), o lado argentino das Cataratas e como havíamos alugado um carro, resolvemos sair um pouco mais cedo para evitar as filas de ônibus e vans de turistas na imigração. Como estávamos de carro resolvemos fazer a carta verde (entenda um pouco mais da carta verde no final do post), que é um seguro obrigatório contra terceiros para carros brasileiros nos países vizinhos, e no mesmo local aproveitamos para trocar alguns pesos pois o pagamento da entrada no Parque do lado argentino das Cataratas não pode ser feita em reais.

Chegando ao Parque Nacional Iguazú compramos nossos ingressos e tivemos um desconto por sermos brasileiros (MERCOSUL), mas como no Brasil o menor preço dos ingressos é somente para os cidadãos do país, ou seja neste caso os argentinos. Logo ao chegarmos percebemos que com a quantidade de passeios e locais para visitar, um dia de passeio seria muito corrido e então nos apressamos para aproveitar da melhor forma o passeio.

Quando se entra no Parque Nacional Iguazú tem se uma primeira impressão que está chegando em um parque temático americano, com muitas ruas asfaltadas, com casinhas de informação bonitinhas, locais para a venda de passeios e funcionários todo uniformizados, realmente impecável. Até o transporte pelo parque é feito por um trenzinho, que lembra alguns parques americanos. Por termos pouco tempo, pegamos o trenzinho para irmos até a garganta do diabo que foi escolhido para ser nosso primeiro passeio do dia.

Com o trenzinho após um transbordo, conseguimos chegar a trilha de 1100 m que nos levaria a Garganta do Diabo. O caminho todo é percorrido sobre as águas, por umas plataformas metálicas, com uma vista indescritível: seja pelas cachoeiras, pelos pássaros, pela vegetação ou pelos peixes que por serem tão grandes são facilmente observados. No final da trilha chegamos a Garganta do Diabo e novamente, como no lado brasileiro, ficamos de boca aberta com a beleza das quedas d’água e principalmente com a vazão da água que parece interminável.

Passarela sobre as águas em direção a Garganta do Diabo

Vídeo da passarela sobre as águas para chegar a Garganta do Diabo

Peixes que por serem grandes são facilmente fotografados

Garganta do Diabo

Como o tempo era curto resolvemos voltar e fazer duas trilhas a pé, primeiramente o Passeio Superior (Paseo Superior) e depois o Passeio Inferior (Paseo Inferior). O Passeio Superior passa por passarelas elevadas que levam próximo a parte superior das quedas, sendo que o passeio todo tem um comprimento de 1300 metros. Este passeio é muito tranquilo de se fazer porque é todo plano, sendo possível ser feito por pessoas de acessibilidade restrita ou mesmo crianças. Neste caminho como já se diz o nome tem se uma visão superior de várias quedas d’água que podem ser observadas de muito perto. Neste passeio consegue-se ter uma vista da Ilha de St. Martim (Isla San Martín) que também é mais uma opção de  trekking, mas de acordo com o mapa do parque com um grau maior de dificuldade. A parada final do passeio é na parte superior de uma queda d’água, ou seja antes dela começar a cair.

Passando no meio da vegetação antes de chegar nas Cataratas – Passeio Alto

Para fazer o Passeio Baixo precisa estar preparado para as escadas

Terminado o passeio da parte superior do parque fomos fazer o passeio inferior, onde a trilha tem 1400 metros de extensão mas com uma dificuldade um pouco maior pois em todo o caminho tem-se diversas escadas, fazendo com que o passeio fosse um pouco mais cansativo. Como na outra trilha, esta também é muito bonita sendo que a diferença é que observamos as mesmas cachoeiras de um ângulo inferior. Nesta parte da trilha nos chamou a atenção os diferentes animais encontrados: sendo vários pássaros, um tatu que deixou um grupo de japoneses de olhos abertos e uma cobra verde que paramos para vê-la passar pela passarela.

Pássaro Azul encontrado habitualmente nas trilhas

A cobra verde cruzando nosso caminho

Tatu passeando na mata

Depois desse passeio tomamos o trem de volta e terminamos nosso passeios nas Cataratas Argentinas. Apesar de nos dois parques em muitas vezes se observar as mesmas coisas, o parque Argentino tem mais possibilidades de passeios e poderia ficar tranquilamente dois dias e ao invés de utilizar o trenzinho faria tudo a pé. Outra vantagem do lado argentino é que pelo peso estar desvalorizado em relação ao real, para se fazer um passeio parecido ao Macuco Safari gasta-se a metade do valor.

Antes de voltarmos para nosso hotel em Foz de Iguaçu demos uma passada rápida no mega Duty Free do lado argentino que tem boas opções de importados, como maquiagem, roupas e bebidas alcoólicas, mas que não tinha o que mais buscávamos: vinho argentino.

Fomos para o hotel tomamos um banho, descansamos um pouco e voltamos para o lado Argentino para a 2a parte do dia . Primeiramente passamos no “La Vinoteca de Don Jorge” (veja o Endereço no final do post) que é uma loja especializada em vinhos onde compramos algumas garrafas de vinho argentino por um preço excelente e alfajores argentinos. O final da noite foi um jantar no restaurante Aqua, que já havíamos reservado. Na entrada fomos recebidos pelo Jorge, o simpático dono que cuida de todos os detalhes. O restaurante não tem frescuras, e por estar num restaurante argentino resolvi atacar um super bife de chorizo acompanhado de batatas que estava delicioso, e sem dúvida alguma se voltar a cidade volto nesse restaurante.

Carta Verde

Seguro obrigatório para carros que estejam em viagem em outro país do  MERCOSUL, do que o seu de origem. A cobertura da apólice é exclusivamente para danos pessoais e materiais contra terceiros.

O valor depende de acordo com o número de dias segurado, sendo que compramos o seguro para 3 dias e ficou em torno de 40 reais.

Quais os riscos de não fizer a carta verde? Se na imigração for solicitado e você não tiver, será vetada a entrada no país. O outro problema é que caso você se envolva em um acidente terá que pagar os danos, pois não serão cobertos pelo seguro feito no Brasil.

Onde Comprar Vinho em Puerto Iguazú:

La Vinoteca de Don Jorge 

Av. República Argentina, 188

Tel. Foz: (45) 4053-9464

Onde Comer em Puerto Iguazú:

Restaurante Aqua 

Av. Córdoba (esquina Carlos Thays)

Veja Também:

Cataratas do Iguaçu – Lado Brasileiro – Roteiro de 3 dias em Foz do Iguaçu – Dia 1

20 Dicas para Economizar nas suas viagens

Monte Roraima, Sangue, Suor e Lágrimas – Venezuela

Amazônia, Xingu e Chapada Diamantina – uma busca espiritual

About these ads

Responses

  1. [...] Dia 2 – Cataratas do Iguaçu – Lado Argentino – Roteiro de 3 dias em Foz do Iguaçu [...]

  2. Em Setembro estaremos lá e vamos rever o lado Argentina e Brasil.

  3. Os turistas que pretendem visitar as Cataratas do Iguaçu do lado argentino, a partir de 1º de outubro, terão mais tempo para aproveitar o passeio. Em virtude dos “dias mais longos” (com o sol se pondo mais tarde) característicos dos meses de primavera e verão, o horário de abertura do Parque Nacional Iguazú será das 8h às 19h, todos os dias. Segundo a administração do Parque Nacional Iguazú (Argentina), o novo horário vigora até 28 de fevereiro de 2010. O último trem partindo da Estação Central até a Garganta do Diabo, o circuito mais procurado pelos turistas, sai às 17h. Além desse, o Parque Argentino conta com mais dois circuitos. O Inferior tem 1700 metros, percorridos em aproximadamente 1h15. A dificuldade é mediana, por conta das escadas. O trajeto possibilita um contato mais intimo com a paisagem, com oito mirantes que permitem uma visão privilegiada de importantes quedas d´agua. Já o Circuito Superior é mais curto, uma caminhada de 650 metros com a visão panorâmica dos saltos. No trajeto são seis mirantes. Para quem quer ainda mais aventura, há os passeios adicionais Macuco, funcionando até às 16h, e Ilha de San Martin, com saída do último bote às 15h30. Ingresso – O valor do ingresso para visitar as Cataratas do Iguaçu pelo lado argentino custa P$ 30,00 (cerca de R$ 15) para residentes no Mercosul e P$ 60 (cerca de R$ 30) para demais estrangeiros. Pessoas entre 6 e 12 anos pagam meia entrada. Crianças até cinco anos e portadores de necessidades especiais são isentos de tarifa. Quem visitar o Parque Argentino por dois dias consecutivos paga apenas 50% do valor do ingresso no segundo dia. É importante lembrar que o ingresso no Parque Argentino deve ser pago em moeda local (peso argentino).

  4. Pretendo visitar Puerto Iguazu em um carro alugado. Gostaria, encarecidamente, de saber como conseguiu fazer uma carta verde de um carro alugado para adentrar na Argentina. Grato pela atenção e parabéns pelo site.

    • Marcelo,

      Fiz a carta verde numa “loja” que fica a menos de 1000m da fronteira do Brasil com a Argentina. Se você perguntar no hotel todos sabem te dizer, mas existe uma placa bem visível quando quase se está chegando na fronteira. Só precisa levar o documento do carro alugado e fazer o pagamento. Aproveitei e troquei uns pesos para pagar a entrada no parque das Cataratas.
      Boa viagem e depois volte para contar se deu tudo certo.

      Abs,

      Paulo

  5. Sensacional! Fizemos também, uma bela viagem pelas cataratas lado Argentino, fizemos uma postagem e foi, a mais visitadas em 2012, superou nossas expectativas e não podíamos deixar de compartilhar com vocês e seus leitores: http://vaconferir.com.br/2012/10/11/cataratas-do-iguacu-lado-argentino/

    • Walter,

      Obrigado por tudo, e recomendo a todos nossos leitores que visitem seu blog e conheçam suas belíssimas viagens.

      Abs,

      Paulo

  6. Sim, feliz ano novo para todos que fazem de Quatro Cantos do Mundo, um site referência em Boas Viagens por esse mundo a fora! Ano Novo com muitas viagens e todas elas com $uce$$o de público!! Abração do casal do blog VaConferir o Seu Diário de Viagens na Melhor Idade!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 440 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: