Publicado por: Carol & Paulo Mendes | 04/06/2012

Roteiro pela cidade de São Paulo – Dia 2 – #EncontrãoSP

Fotos de Jorge Amado no Museu de Língua Portuguesa

No 2o dia do city tour (clique aqui para ver como foi o 1o dia) nos encontramos na Estação da Luz onde primeiramente fomos conhecer o Museu da Língua Portuguesa (maiores informações sobre o Museu no final do post). Na minha opinião esse é o melhor museu de São Paulo, sendo a 3a vez que fui visita-lo, porém apesar de existir uma parte da exposição que é fixa, sempre existe uma mostra temporária sobre um autor diferente, que nesta vez demos a sorte de ser do baiano Jorge Amado.

Começamos nossa visita nesta parte do museu,1o andar, onde pudemos relembrar alguns dos principais personagens de sua obra: Gabriela Cravo e Canela, Quincas Berro d´Água, Dona Flor, os meninos de Capitães de Areia entre outros. Logo na entrada da exposição existia um multimídia que se podia ver e ouvir os textos desses diferentes livros, e uma parede com muitas fitas como a do Senhor do Bonfim mas com o nome de diferentes personagens de sua obra. A  segunda sala contava a história política de Jorge Amado, que era comunista e chegou a ser eleito deputado federal pelo PC do B (Partido Comunista do Brasil), até ter seu mandato cassado e como tudo isso influenciou sua obra. A terceira sala mostrava sobre a mestiçagem na sua obra e o sincretismo religioso. Na próxima sala mostra-se a sensualidade existente em sua obra, onde podemos espiar trechos “picantes”  de sua obra numa ala dos “cabarés”, uma homenagem ao Bataclan do livro Gabriela e o Refúgio dos Lordes do livro Tieta, entre outros. Na última parte podemos observar várias fotos de sua vida, objetos que foram utilizados por ele, como suas famosas camisas floridas, além de diplomas e livros.

Exposição sobre Jorge Amado no Museu de Língua Portuguesa

No tempo restante visitamos a exposição permanente do Museu, onde observamos o vídeo no telão de mais de 100m de comprimento sobre a língua portuguesa no cotidiano, vimos a linha do tempo da língua portuguesa desde o descobrimento do país, entendemos a influencia de outros idiomas na nossa língua e brincamos um pouco no beco das palavras.

Telão no Museu de Língua Portuguesa

O Museu da Língua Portuguesa se encontra dentro da Estação da Luz, local que foi adequado para recebê-lo após uma grande reforma no prédio. Mudança que deixou o prédio de influência inglesa como foi concebido originalmente, fazendo com que seja um marco arquitetônico da cidade que vale a pena ser visitado.  A Estação de trem da Luz foi inaugurada em 1901, baseando sua arquitetura no Big Ben e na Abadia de Westminster, fazendo com que quando você caminhe no seu interior sinta-se como estivesse na Europa.

Exterior da Estação da Luz

Interior da Estação da Luz

Estrutura metálica da Estação da Luz

Na mesma rua, logo a frente da Estação da Luz encontram-se outros dois pontos turísticos: o Parque da Luz e a Pinacoteca do Estado de São Paulo que também é  um museu, mas de artes visuais com ênfase em artistas brasileiro do século XIX até hoje, mas que somente observamos sua bela arquitetura exterior

Continuando nosso passeio passamos na frente do antigo prédio do DOPS (Departamento de Ordem Política e Social) que é conhecido por ter sido utilizado na época da ditadura como local de tortura de criminosos políticos. Há alguns anos o prédio foi totalmente reformado e criado um museu com exposições temporárias e o Memorial da Resistência, que tem como objetivo de mostrar o que ocorreu no local para manter a memória viva e para que erros como esses não se repitam na nossa história.

Um pouco mais a frente observamos o prédio da Sala São Paulo que desde que foi todo reformado é uma referência para os apreciadores de música clássica na cidade de São Paulo, e atualmente é a sede da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (OSESP). Além de sua arquitetura imponente ser muito bonita, os conhecedores de música dizem que seu grande diferencial é sua sala de concertos que tem uma acústica quase perfeita.

Sala São Paulo

Nossa caminhada continuou até o viaduto Santa Efigênia onde pudemos observar o primeiro arranha-céu da cidade, o edifício Martinelli que leva o nome de seu construtor. Conta-se que ao seu termino, as pessoas não acostumadas a um edifício tão alto tinham certeza que um dia ele viria  a cair e chegavam a apostar quando isso ocorreria, e para dizimar qualquer dúvida sobre a solidez do edifício, Martinelli mudou se para o prédio com toda sua família ocupando os últimos 5 andares.

Turma reunida no Viaduto Santa Efigênia

No final do viaduto encontra-se o mosteiro de São Bento que na hora que passamos estava fechado (verifique no final do post os horários da missa), mas foi explicado que vale muito a pena assistir sua missa aos domingos com cantos gregorianos e aproveitar para observar sua bela arquitetura interior. Além de assistir a missa, a boa pedida nesse caso é de comprar os pães e bolos maravilhosos feitos pelos próprios monges beneditinos.

Continuamos caminhando pelo centro passando pelos prédios da BM&F, Bovespa, o antigo prédio do Banespa e fomos em direção ao Mercadão para almoçar. Mercadão é o nome carinhoso dado pelos paulistanos ao Mercado Municipal Paulistano, ou Mercado da Cantareira por se localizar nessa rua. O Mercadão foi o primeiro grande entreposto de frutas e verduras de São Paulo, mas com o passar do tempo foi ficando pequeno demais para a cidade, e o governo teve que construir o CEASA.  Coma criação do CEASA boa parte do comércio foi transferido para lá, fazendo com que por diversos anos o Mercadão fosse um local decadente. Nos anos 90 o Mercadão foi redescoberto pelos paulistanos que começaram a comprar seus importados, frutas, verduras e comer os famosos pasteis de bacalhau e sanduiche de mortadela. Mas foi somente no ano de 2004 com o fim da reforma que recuperou seus belos vitrais, a beleza da arquitetura do prédio e a construção de um mezanino com vários restaurantes que o Mercadão torno-se uma parada obrigatória para todos que vem a São Paulo. Nosso tour terminou no mezanino onde almoçamos e conhecemos o porque da fama do Sanduiche de Mortadela e o Pastel de Bacalhau que realmente estavam deliciosos.

Chegando no Mercadão

Almoço dos blogueiros no Mercadão

O tour foi muito bom e aumentou a lista de locais para conhecer na cidade: visitar o interior do prédio do DOPS e assistir a um concerto na Sala São Paulo

Informações Importantes: Custo dois dias de City Tour em São Paulo – 4 passagens de metrô x R$3,00 + Entrada do Museu da Língua Portuguesa R$ 6,00 totalizando R$ 18,00. Melhor impossível.

Informações Importantes:

Museu da Língua Portuguesa,

Horários:

Bilheteria: de terça a domingo, das 10h às 17h.

Museu: de terça a domingo, das 10h às 18h.

Não abre às segundas-feiras.

Ingresso

Valor: R$ 6,00

Estudantes com carteirinha pagam meia-entrada.

Professores da rede pública com holerite e RG, crianças até 10 anos e adultos a partir de 60 anos não pagam ingresso.

Não há venda antecipada de ingresso.

Aos sábados, a visitação ao museu é gratuita.

Mosteiro de São Bento

Missas

2ª à 6ª feira:

7h – com Canto Gregoriano

13h – Missa

18h – Missa

Sábado:

6h: com Canto Gregoriano

Domingo:

8h30 – com Órgão

10h – com Canto Gregoriano e Órgão

Veja Também:

Roteiro pelo Centro Velho de São Paulo – #EncontrãoSP

Muito verde e diversão a poucos minutos de São Paulo – Serra da Cantareira – Núcleo do Engordador

         A Disneylândia é no quintal da minha casa – São Paulo

        Apresentação da Colômbia no 22º Encontro dos Viajantes


Responses

  1. Esse dia foi muito bom, curti demais o museu! O Mercadão que nunca tinha ido tbm é mto fera!

    Espero voltar logo.

    Abs,

    Jonathan Padua

    • Jonathan,

      Esperamos a partir de agora te ver todos os meses no Encontro dos Viajantes.

      Um grande abraço,

      Paulo

  2. Gostamos até demais dos dois dias de vocês por São Paulo. Junior parece que chegou da Europa mais pesado? Esse bebê lindo também já está treinando para ser blogueiro? Gente, São Paulo é isso e mais alguma coisa. Quando passarem pela Avenida Paulista, prestem a atenção da quantidade de árvores espalhadas em toda a sua extensão, inclusive no topo de alguns prédios, é a natureza em plena selva de pedra. Esse museu da Língua Portuguesa é impressionante, não sabemos sequer comentar, vejam a última que fizemos: http://www.vaconferir.com/search/label/Museu%20da%20L%C3%ADngua%20Portuguesa

  3. Em tempo: Estamos precisando de um empurrãozinho na nossa nova Fan Page no Facebook, CURTAM e peças amigos para CURTIR nossa página do vaconfeir, segue o link: http://www.facebook.com/VaConferir

  4. Moro em São Paulo e só conheço o mercadão, que vergonha, kkk

    Quero participar de um desses encontros.

    Abraços, Até +!!!

    • Guilherme não se preocupe

      eu que não sou de Sampa é que fui o guia do passeio apesar de termos vários paulistanos da gema no grupo.

      Tinha gente que é daqui e nem o mercadão conhecia (né Dani), você acredita?

      O próximo encontro é dia 30/06, sinta-se convidado.

      abs

      Eder

  5. […] de Mochileiro sobre a Colômbia tivemos dois dias de tours pela cidade de São Paulo (clique aqui para ver como foi o dia 2 do Walk […]

  6. […] Roteiro pela cidade de São Paulo – Dia 2 – #EncontrãoSP […]

  7. […] históricos, visitando o Museu da Língua Portuguesa e no segundo dia terminando o passeio no Mercadão. Atendendo a pedidos, já estamos pensando e planejando próximos tours por […]

  8. […] Roteiro pela cidade de São Paulo – Dia 2 – #EncontrãoSP por 4 Cantos do Mundo […]

  9. […] Roteiro pela cidade de São Paulo – Dia 2 – #EncontrãoSP […]

  10. […] Roteiro pela cidade de São Paulo – Dia 2 – #EncontrãoSP […]

  11. […] Roteiro pela cidade de São Paulo – Dia 2 – #EncontrãoSP […]

  12. […] Roteiro pela cidade de São Paulo – Dia 2 – #EncontrãoSP […]

  13. […] Roteiro pela cidade de São Paulo – Dia 2 – #EncontrãoSP […]

  14. […] Roteiro pela cidade de São Paulo – Dia 2 – #EncontrãoSP […]

  15. […] Roteiro pela cidade de São Paulo – Dia 2 – #EncontrãoSP […]


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: