Publicado por: Eder & Fabi Rezende | 21/07/2013

Lugares Únicos no Mundo – Meteora – Grécia

Quem já foi a Meteora sabe bem porque este destino entrou para série de posts de Lugares Únicos do Mundo. Montanhas de rochas maciças não fariam um lugar ser tão especial. Mas e montanhas de rochas maciças que depois de esculpidas durante 60 milhões de anos pelo vento e pela água tomaram-se formas finas como um dedo que aponta para o céu? Estas características tornam o lugar especial, mas não único, afinal esta poderia ser a descrição do Dedo de Deus próximo a Teresópolis. Agora, se acrescentarmos no topo destas montanhas monastérios da igreja ortodoxa com obras de arte impressionantes em que até bem pouco tempo o acesso se dava apenas por içamento de cordas ou redes? Agora sim temos todos ingredientes para mais um lugar único no mundo. Só para constar, o nome Meteora vem de meteorito, ou suspenso no ar ou ainda acima do céu.

Vista geral de Meteora e seus monastérios

Vista geral de Meteora e seus monastérios

Fabi em um dos mirantes

Fabi em um dos mirantes

Os posts da série Lugares Únicos do Mundo são todos escritos em forma de roteiro como o leitor já deve ter percebido. Então aproveito a oportunidade para responder a todos a pergunta que recebi da Patrícia do blog Turomaquia que tive o prazer de conhecer pessoalmente no WTM realizado em São Paulo. Pergunta: Como você escreve um post Porque não gosto de escrever roteiros de viagens e seu blog tem varios roteiros. Resposta: Primeiro que alguns dos roteiros do blog foram escritos pelo Paulo e não por mim (Eder). Segundo que infelizmente a vida não é feita somente de prazeres e por mais chato, monótono, trabalhoso e cansativo que seja escrever um post em forma de roteiro, é isso que muitos leitores querem ver no blog. Mantenho minha opinião que fazer uma viagem inteiramente baseado no roteiro de outra pessoa, para mim é fazer a viagem dos outros e não sua própria viagem. De qualquer maneira está aqui mais um roteiro a quem possa interessar.

Parece que o monastério foi criado junto com a rocha

Parece que o monastério foi criado junto com a rocha

Dá até para fazer umas brincadeirinhas

Dá até para fazer umas brincadeirinhas

Localização

Meteora fica na Grécia continental, mais exatamente a trezentos e cinquenta e dois quilômetros a noroeste de Atenas. Meteora é o nome dado ao conjunto de monatérios da igreja Ortodoxa. A cidade base para visitar este complexo é Kalambaka. A região é pouco desenvolvida e a maior cidade grega dos arredores é Ioanina. Kalambaka é uma charmosa vila de doze mil habitantes aos pés das montanhas de rocha onde se encontram os monastérios e que vive do turismo.

Como chegar a Meteora?

Para chegar a Meteora existem três opções.

De ônibus

A cidade de Kalambaka apesar de pequena é bem servida por linhas de ônibus. Não existem ônibus diretos desde Atenas ou qualquer outra cidade grega de grande porte. Toda ligação via ônibus deve passar por Trikala que está localizada a vinte e um quilômetros de Kalambaka. Abaixo tabela com as rotas, preços, horários e tempo de duração entre Trikala e outras cidades gregas e também entre Trikala e Kalambaka. A empresa de ônibus que opera estas rotas é a KTEL. As saídas de Atenas são operadas no Terminal B na rua Liosson. Não confunda com o Terminal A que fica na Rua Kifissou é o mais conhecido por ser local de partida para os destinos mais conhecidos.

Ônibus entre Trikala e outras cidades gregas

Ônibus entre Trikala e outras cidades gregas

Ônibus entre Trikala e Kalambaka

Ônibus entre Trikala e Kalambaka

De trem

Se sua opção for utilizar o trem, o tempo de duração de sua viagem será mais ou menos o mesmo quando comparamos ao ônibus. As vantagens são que de trem a passagem fica mais barata e na maioria das vezes não é necessário fazer baldeação. Em compensação você tem menos opções de partidas. Veja a tabela abaixo com rotas, preços, horários e tempo de duração das viagens. As saídas de Atenas são operadas na Estação Larissa

Se preferir ir de trem, várias opções

Se preferir ir de trem, várias opções

De avião

O aeroporto mais próximo a Kalambaka é o New Anchialos (VOL). A distância entre ambos é de cento e cinquenta quilômetros ou duas horas de carro. Apenas com estas informações já ficou claro que estando na Grécia o avião não é uma boa opção para chegar em Kalambaka. Mas este aeroporto também recebe vôos internacionais e se você chegar de outro país apenas para visitar Meteora, considere voar até lá. Para completar o trajeto até Kalambaka você pode alugar um carro ou pegar um táxi até a cidade de Volos que fica apenas vinte e quatro quilômetros do aeroporto e depois um trem a Kalambaka. Na tabela abaixo conheça as rotas, preços, horários e tempo de vôo e companhias aéreas que operam em New Anchialos.

Voar: boa opção para quem vem de fora

Voar: boa opção para quem vem de fora

Onde ficar

Ficamos hospedados na Sisters Toti quartos para alugar. Este tipo de acomodação é bastante comum na Grécia. A família aproveita os quartos vagos na casa e o que era para ser uma renda extra passa a ser a principal fonte de rendimentos. Os quartos são bem simples, mas eles garantem o tripé de uma boa noite de sono: camas confortáveis, banho quente e limpeza. Os preços também são bem convidativos e por incrível que pareça não subiram desde que estivemos lá em 2009. Quartos duplos por 35 euros sem café da manhã e quartos triplos por 45 euros também sem café da manhã. O café da manhã sai por 4 euros por pessoa. Existem dois quartos mais luxuosos com preços também maiores, com vista para Meteora e café da manhã incluso. A localização é boa como qualquer lugar em Kalambaka afinal nada pode ser longe em uma cidade de doze mil habitantes. São 70 metros caminhando até a estação de trem e 50 metros até a rodoviária. O centro e os restaurantes não ficam a mais de 50 metros. Caminhando até Meteora você percorrerá mil metros.

Sisters Totti visto do alto

Sisters Totti visto do alto

Quartos simples mas confortáveis

Quartos simples mas confortáveis

Quando ir

O clima em Meteora é bem mais ameno que no litoral grego, influência da altitude que pode atingir até 613 metros acima do nível do mar. Portanto a melhor época do ano para conhecer os monastérios é mesmo durante o verão. Infelizmente o verão também é o período das férias européias e quando os preços na Grécia ficam mais caros. Mesmo nesta época do ano as noites tem temperaturas bem frias para os padrões brasileiros, portanto não esqueça seu moleton. O mês mais quente é julho quando a mínima pode chegar a 19 graus celsius. No inverno as temperaturas podem chegar a zero graus celsius.

Oscilação das temperaturas durante o ano

Oscilação das temperaturas durante o ano

As chuvas que tanto podem atrapalhar um passeio a céu aberto também são menos frequentes durante os meses de julho e agosto. Planeje suas férias para chegar lá em um destes meses.

Julho ou agosto: certeza de quase nenhuma chuva

Julho ou agosto: certeza de quase nenhuma chuva

O que comer

A Grécia é conhecida por sua gastronomia mediterrânea que mistura frutos do mar com pratos de influênciada cozinha árabe, afinal a geografia a espremeu entre o Oriente Médio e a costa européia do Mar Mediterrâneo. Um dos meus pratos favoritos da culinária grega é charuto de folha de uva. O sabor é bem parecido com o preparado em bons restaurantes árabes do Brasil. Melhor do que o sabor é pagar pouco para comer bem. Pensando nisto deixamos uma dica para economizar seu rico dinheirinho. Os supermercados gregos vendem charuto de folha de uva enlatados. Passe num mercado compre sua lata que pode ser de até dois quilos do produto (alimenta toda uma família) e se possível esquente no microondas do hotel. Garantimos que não se arrependerá.

Comida típica, boa e barata

Comida típica, boa e barata

Como se locomover

A cidade é pequena e caminhar é a melhor opção. Restaurantes, internet cafes, rodoviária, estação de trem, mercados e qualquer outro lugar interessante estão localizados a uma distância que pode ser percorrida em poucos minutos até pelos mais sedentários. Para quem gosta de andar como nós, Meteora também pode ser conhecida usando-se o meio de transporte mais antigo do mundo: seus pés. Existe um ônibus que liga o centro de Kalambaka ao topo das montanhas. Em 2009 o preço era de meros 1,40 euros, mas de qualquer maneira você terá que caminhar de um monastério a outro.

Atrações de Meteora

As principais atrações do local são mesmo os monastérios da igreja ortodoxa. Para quem decidir caminhar até os monastérios como nós fizemos, prepare-se para caminhar bastante. Recomendamos fazer o percurso completo em dois dias. A partir de Kalambaka o primeiro monastério a beira da estradinha é Agios (Santo) Nikolaos Anapafsas. Este é um monastério menor mas como todos os outros se equilibra no estreito topo de uma montanha de pedra. O preço para visitação é o mesmo para todos monastérios, dois euros na época (2009). Não é permitido a entrada de bermudas e as mulheres devem usar saias. A maioria deles oferece um pano que serve como uma “canga” para as mulheres, mas é melhor levar sua própria saia ou calça.

Agios Nikolaos Anapafsas se equilbrando no topo da fina montanha de pedra

Agios Nikolaos Anapafsas se equilbrando no topo da fina montanha de pedra

Seguindo a estradinha nos deparamos com Roussanou que na verdade é um convento de freiras e não um monastério. Este convento não visitamos, mas aproveitamos para verificar que a história do içamento de pessoas é verdadeiro conforme mostra a foto abaixo.

Convento de Roussanou camuflado nas montanhas de pedras

Convento de Roussanou camuflado nas montanhas de pedras

Pronto para ser içado para perto de Deus

Pronto para ser içado para perto de Deus

Depois de muita subida finalmente chegamos ao topo onde estão lado a lado o monastério Great Meteoro e o monastério de Varlaam. O Great Meteoro é o maior e mais preservado de todos e deve ser visitado. Em seu interior podemos ver todos utensílios, ferramentas e instalações usadas há centenas de anos e tudo super bem conservado. É algo como um museu que remete aos tempos onde as pessoas ainda eram içadas em uma rede. Além disso também existem obras de arte religiosa maravilhosas e prédios com uma arquitetura toda peculiar.

Monastério Great Meteoro nos olhando imponente do alto

Monastério Great Meteoro nos olhando imponente do alto

Utensílios e ferramentas antiquíssimos, mas muito bem conservados

Utensílios e ferramentas antiquíssimos, mas muito bem conservados

Rede de içamento aposentada

Rede de içamento aposentada

Belíssimas obras de arte relogiosa

Belíssimas obras de arte relogiosa

A poucos metros dali está Varlaam. Este monastério tem características especiais. Seu interior é todo pintado com temas religiosos, não sobra um só pedacinho de parede em branco. Arte em seu estado bruto. Outra característica peculiar é que antes de chegar nas escadarias que substituíram as redes de içamento você deve passar por uma ponte sobre um abismo gigantesco. Para aqueles que tem medo de altura, não olhem para baixo.

A direita na foto a ponto sobre o abismo, logo depois a escadaria

A direita na foto a ponto sobre o abismo, logo depois a escadaria

Paredes inteiramente pintadas, característica do Monastério de Varlaam

Paredes inteiramente pintadas, característica do Monastério de Varlaam

Um pouco mais distantes estão o monastério de Agia Trias e o convento de Agios Stefanos. Se a caminha é árdua a recompensa é grande. No caminho até lá você terá vistas de tirar o fôlego dos outros monastérios e das montanhas de rocha, além de poder curtir um visual privilegiado de Kalambaka. Agia Trias é uma mistura do “museu” de Great Meteoro com as paredes pintadas de Varlaam e com uma pitada de religiosidade mais marcante. Foi só por lá que encontramos fiéis e devotos além dos turistas.

Religiosos visitando o monastério de Agia Trias

Religiosos visitando o monastério de Agia Trias

Simplicidade de Monastério Agia Trias

Simplicidade de Monastério Agia Trias

No fim do dia já em Kalambaka não deixe de visitar a Igreja Bizantina e a Catedral Vissarion.

Veja Também:

Lugares Únicos no Mundo – Milos – Grécia

TOP 10 Grécia – Lugares Inesquecíveis

Lugares Únicos no Mundo – Kefalonia – Grécia

Lugares Únicos no Mundo – Santorini – Grécia

Lugares Únicos no Mundo – Navagio Beach – Zakynthos – Grécia

A Surpreendente Troca da Guarda em Atenas

Lugares Únicos no Mundo – Angkor Wat – Camboja

Lugares Únicos no Mundo – Inhotim – Brumadinho – MG

Lugares Únicos no Mundo – Ksares de Tataouine – Tunísia


Responses

  1. Uhuuu, amei amei amei a matéria sobre Meteora, certamente que já está anotado em meus roteiros de viagens😉
    Valeu pela dia e parabéns pelo belissimo post
    Bjao
    Aviva Juju

    • Olá Juju
      este lugar é mesmo incrível e quem ainda não conhecia com certeza vai colocar na wish list de lugares para conhecer

      bjs

      Eder

  2. […] Lugares Únicos no Mundo – Meteora – Grécia […]

  3. […] Lugares Únicos no Mundo – Meteora – Grécia […]

  4. […] Lugares Únicos no Mundo – Meteora – Grécia […]

  5. Oi Eder!!
    To amando as suas dicas da Grécia!!! Muuuuito providencial pra mim, rrsrsrs.
    Meteora também está o meu roteiro. \o/
    To tentando dificuldade para comprar a passagem de trem para Meteora? Como vc fez? O site começa em inglês, mas depois muda para greco e não consigo seguir nem com o google tradutor…
    Qto às ilhas, to querendo seguir as suas sugestões de visitar Zakynthos, Kefalonia e Lefkada.
    O problema é que o tempo tá ficando corrido e prefiro viagem slow travel! Tenho 10 dias para visitar as ilhas. O que vc me sugere? Pensei em fazer em fazer as ilhas jônicas e Santorini.
    Tinha pensando inicialmente em incluir Creta e Mykonos tb. Porém, já vi que ficaria corrido demais por conta dos deslocamentos.
    Muito obrigada pela ajuda!!!

    Bjs, Anna

    • Olá Anna
      o site que usei para os trens é esse: http://tickets.trainose.gr/dromologia/
      No canto direito no alto clique no botão “en” para deixar em inglês. Mesmo assim muita coisa ainda fica em grego.
      Depois clique no local de partida e escreva as primeiras letras da cidade, vai aparecer o nome em inglês. A mesma coisa por destino final que deve ser Kalambaka.
      Coloque a data da viagem e se é só ida oi ida e volta. Depois clique em “Find Trips” e vai te mostrar todas as opções em inglês. Ai é só comprar. Se tiver dúvidas manda outra mensagem.
      Realmente quanto as ilhas não dá para fazer tudo no tempo que você tem. Sugiro fazer Zakynthos, Kefalonia e Lefkada porque além de muito belas, todas estão na costa oeste e você perderá menos tempo nos deslocamentos. Meteora também fica perto da costa oeste e também ajudará a perder menos tempo para chegar até lá de alguma das ilhas. É uma pena perder Santorini, mas não se pode ter tudo né?

      boa sorte e boa viagem

      Eder

  6. […] Lugares Únicos no Mundo – Meteora – Grécia […]

  7. Eder, Eder!!
    (Por favor, este ativo aqui ainda!!!!)
    Primeiramente, parabens pelo post. Diferentemente dos que vi aqui na net, o seu me deixou tipo: “EU TENHO QUE IR NESTE LUGAR”.
    Estou planejando passar 4 dias no meio de Outubro la e gostaria de saber se vc tem alguns minutinhos pra clarear algumas ideias!!

  8. Oi estou a procura de um lugar para comemorar meu aniversário de 50 anos. Acho que encontrei. Não pode ter presente melhor que esse.

    Acho que será mis uma emoção como as que pude viver no Peru e – Monte Saint Michel e na cidadela medieval de Saint Malot na França.

    Super parabéns pelo seu post.

    • Olá Suelen
      é uma honra ter inspirado sua viagem de aniversário de 50 anos. Pode ir sem hesitar, o lugar é fantástico, você vai adorar.

      boa viagem

      Eder

  9. […] Lugares Únicos no Mundo – Meteora – Grécia […]

  10. […] reportagem. Para aqueles que não terão o prazer de manusear o jornal impresso, basta acessar o link para encontrar as belezas de Meteora.  É um prazer ter uma matéria de nosso blog circulando […]

  11. […] https://quatrocantosdomundo.wordpress.com/2013/07/21/lugares-unicos-no-mundo-meteora-grecia/  […]

  12. […] Lugares Únicos no Mundo – Meteora – Grécia […]

  13. […] Lugares Únicos no Mundo – Meteora – Grécia […]

  14. Olá, muito legal o relato! Está sendo de grande ajuda para o meu roteiro! Bom, eu gostaria de saber o que vc acha se eu for de manhã de Atenas para Meteora e voltar no outro dia à tarde? É mto corrido? É que meu tempo está curto, e voltando de meteora no mmo dia à noite iria pegar um voo para Santorini.

    • Ola Gabriela
      se você conseguir transporte para estes horários ficará corrido, mas dá para ver Meteora em um dia inteiro e voltar no fim do dia.
      Mas tem que ser a vokta para Atenas no fim do dia para adar tempo de ver tudo num só dia

      abs

      Eder

  15. […] 3) Meteora […]

  16. […] Lugares Únicos no Mundo – Meteora – Grécia […]

  17. Eder,
    Estou indo à Grécia no mês que vem e Meteora está no roteiro. Entretanto, quando detalhamos o roteiro entre as ilhas e o continente, sobrou para Meteora o final de semana (em princípio domingo/segunda). Você sabe se isto é um problema para visitar os conventos, ou seja, se eles fecham para visitação em um desses dias?
    Um abraço,
    Claudio

    • Ola Claúdio

      soemnte o Convento de São Estevão é fechado as segundas. Os outros monastérios são abertos neste dia e no domingo todos abrem

      boa viagem
      Eder

  18. Olá, estou organizando uma viagem para a Grécia agora em julho e ainda bem que encontrei seu blog rs
    Vc me ajudaria com uma dúvida: é melhor fazer o trajeto Atenas-Delfos-Meteora ou Atenas-Meteora-Delfos?? Estou bem perdida… quero passar pelos 3 lugares, mas por enquanto só reservei o hotel de Atenas.

    Espero q possa me ajudar. Obrigada!

    • Ola Vania
      o melhor é fazer o trajeto Atenas-Delfos-Meteora, pois Delfos está no caminho de Atenas a Meteora

      boa viagem

      Eder

      • Obrigada pela resposta, Eder.
        Estava organizando tudo com um guia da lonely planet – mas pelo que diz no livro, de Atenas a Delfos são 3 hr; de Atenas a Meteora são 5 hr. Porém, o estranho é que de Delfos a Meteora são 4 horas (somando entao um trajeto de 7 hrs contando desde Atenas – de Delfos eu teria que ir até Lamia e baldear). Achei estranho esse ganho de 2 hrs, já que Delfos fica entre as duas cidades…

        Outra dúvida: o transporte de Delfos a Meteora é fácil? Tem ônibus? Pq nesse guia que estou usando dá a entender que é difícil ir de ônibus de Delfos à Meteora (só fala que é preciso ir para Lamia e que lá é meio complicado).

        Bom, se nao for incomodar, uma última dúvida: acha que vale a pena dormir em Delfos ou é melhor só passar o dia lá e ir para Meteora? Minha viagem é de apenas 11 dias e quero mto conhecer pelo menos duas ilhas.

        Muitíssimo obrigada pela ajuda!!🙂

      • Ola Vania

        não conheci Delfos, destas só fui em Meteora e Atenas. Delfos fica um pouco a esquerda na rota entre Atenas e Meteora, não fica bem no caminho. Se você for de carro fica bem perto, mas de transporte público é mais complicado. De delfos a Meteora tem mesmo que passar em Lamia

        boa viagem
        Eder

      • Muito obrigada pelas dicas, ajudou bastante🙂
        Abs!!

      • Valeu Vania

        boa viagem

        Eder

  19. […] Lugares Únicos no Mundo – Meteora – Grécia […]

  20. Oi,
    Preciso mto de uma ajudinha sua. Estou tentando comprar uma passagem de trem de Atenas para Kalambaka no site https://tickets.trainose.gr/dromologia/, porém depois de selecionar o trajeto e ir p parte de assento é exibida a seguinte mensagem e não consigo continuar:

    This train does not support seat reservations. You can buy a ticket for this train if and only if you have at least one seat reservation at some other part of your journey.

    Você passou por isso?

    Muito obrigada por qq ajuda.

    • Bom dia Rafaela
      fiz um teste para o trem direto de Atenas a kalambaka (numero 884) no dia 07 de agosto e foi sem problemas. Selecionei o asstnto e segui a diante.

      Não tive problemas

      Outra opção é ir de ônibus

      boa sorte

      Eder

  21. […] 2) Kalambaka – Grécia […]

  22. Una información muy completa con las fotografías preciosas.

  23. Parabéns pelo blog, é muito inspirador. Fiquei com uma dúvida quanto à passagem de trem comprada pela internet. Você sabe dizer se a passagem é confirmada por voucher para nós imprimirmos ou se eles mandam via postal? Grato.

  24. […] Blog Quatro Cantos do Mundo […]

  25. Olá, amando o blog! Estou organizando um roteiro para a Grécia de 12 dias para maio/2016. Só que acabo olhando e amando tudo. Pensei em Atenas, Meteora, Zakynthos e Santorini. O que você acha? Dá para incluir mais alguma ilha? E na sua opinião, como faria a distribuição dos dias e por onde começaria partindo de Atenas? Obrigada, abraços!

    • Ola Veronica
      já está bem corrido pois você perderá alguns dias nos deslocamentos. Sugiro tirar Santorini e acrescentar Lefkada ou Kefalonia que são bem pertinho de Zakynthos. Caso queira manter Santorini faça Atenas (2 dias inteiros), depois vá para Santorini (2 ou 3 dias inteiros), depois Meteora (2 dias inteiros) e Zakynthos (2 dias inteiros) e mais 3 dias para os deslocamnetoos.

      boa viagem

      Eder


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: