Publicado por: Quatro Cantos do Mundo | 18/01/2015

Rota Gourmet na Great Ocean Road – Austrália

A grande atração da Great Ocean Road são mesmo os 12 Apóstolos cantados em verso e prosa por nós como um Lugar Único no Mundo, mas diferente do que a maioria pode pensar na Austrália pode se comer muito bem apesar de ser um ex colônia brtitânica onde a culinária não é de dar água na boca.

Quando estivemos por lá reservamos uma manhã para conhecermos a Rota Gourmet e não nos arrependemos de deixar de lado por algumas horas as maravilhosas formações rochosas a beira mar dos 12 Apóstolos.

Deixe esta maravilha de lado por uma manhã e não vai se arrepender

Deixe esta maravilha de lado por uma manhã e não vai se arrepender

Saindo de Port Campbell (nossa cidade base) rumamos sentido Melbourne e não resistimos a uma última parada para rever este colírio para os olhos que são os 12 Apóstolos. Depois de um adeus já com saudades rodamos apenas treze quilômetros até sair da estrada que margeia o mar para nos embrenharmos para o interior. As estradas são de pista simples mas em ótimo estado de conservação. Mais dez minutos em nosso carro alugado e já parávamos no primeiro convite a gula. Como ainda era muito cedo para nos empanturrarmos de chocalete passamos reto na pela Gorge Chocolates, mas a Fabi como boa representante do sexo feminino se arrepende até hoje desta gafe.

Apostle Whey Cheese

Esta micro fábrica de queijos nos encantou desde a entrada onde encontramos seu simpático logo que une a atração mais famosa da região com as vaquinhas com o melhor leite da Great Ocean Road.

Logo que une os 12 Apóstolos e vaquinas

Logo que une os 12 Apóstolos e vaquinas

Uma vez dentro do galpão você pode observar toda a área de produção através de paredes envidraçadas. As estrelas da companhia tem fotos espalhadas pelas poucas paredes que não são de vidro.

Pasteurizadora de leite

Pasteurizadora de leite

Fotos das estrelas do espetáculo

Fotos das estrelas do espetáculo

E o que falar do atendimento. Uma senhora já para lá dos setenta anos nos deu toda atenção enquanto estivemos no local. Antes de começar a degustação ela contou um pouco da história da queijaria e logo passamos ao que mais interessava. A cada novo pedaço de queijo colocado na tábua de frios uma surpresa de sabor incomparável.

Menu degustação e tábua de queijos obviamente vazia

Menu degustação e tábua de queijos obviamente vazia

Gostamos mais dos queijos com alho, defumado e do Bay of Martyrs, mas não dá para negar que todos são deliciosos. O melhor de tudo é que a degustação é totalmente grátis. Eles confiam que ninguém em sã consciência pode sair de lá sem comprar ao menos um pedaço do seu queijo preferido. Nós não fomos exceção. Rumamos para o próximo destino com quatrocentos gramas de queijo para nosso jantar.

A Apostle Whey Cheese fica aberta todos os dias (exceto Natal) das dez da manhã às cinco da tarde.

Newtons´s Ridge Estate

Queijo harmoniza com vinho. Mas logo de manhã já encher a cara de álcool? Como já havíamos passado reto na fábrica de chocolates e chegamos a vinícola nem tão no começo da manhã, já era quase onze horas. Resolvemos não desprezar uma degustação do famoso vinho australiano.

Degustação na Newtons´s Ridge Estate

Degustação na Newtons´s Ridge Estate

Bom conselho

Bom conselho

Mais uma vez fomos super bem atendidos. A proprietária e sua filha em pessoa nos serviam nas taças de cristal. Tinto, rosé, branco. E não economizavam nas porções, sempre perguntando se não queríamos repetir a degustação de algum vinho que mais nos impressionava. Com o estômago vazio e com um carro para dirigir nos esperando do lado de fora, fomos de leve e partimos com mais vinho nas sacolas do que no cérebro. Na saída ainda apreciamos a beleza do parreiral.

Porta da Adega

Porta da Adega

A Newton´s Ridge Estate fica aberta de quinta a segunda das onze da manhã às quatro da tarde no período de setembro até a Páscoa.

Berry World

Depois de queijo e vinho, nada melhor que pender para um lado mais ligth. Em meia hora, logo após passar pela cidade de Timboon chegamos ao Berry World onde você pode colher seus próprios morangos e saboreá-los ali mesmo. Já imaginava aqueles morangos grandes, vermelhos e doces como os morangos ingleses. Heresia seria acrescentar leite consensado como fazemos aqui no Brasil onde os morangos tem textura e sabor de isopor. Mas que decepção. Não, os morangos com certeza eram os melhores, mas às segundas feiras (dia de nossa visita) a Berry World fica fechada ao público. Anotem: aberta de novembro a março das dez da manhã às quatro da tarde de terça a domingo.

Timboon Railway Shed Distillery

Chegamos a destilaria já com a barriga cheia de queijo e vinhos degustados no almoço e como os morangos ficaram somente em nossa imaginação aproveitamos para provar o famoso e tradiconal sorvete da casa. E o sabor escolhido? Morango. Além de produzir seu próprio whisky e uma infinidade de destilados, no local ainda funciona um restaurante com a comida mais apreciada da região e que usa ingredientes orgânicos de produtores locais. Fora que o edifício tem um charme todo especial. Não saímos de mãos abanando, aproveitamos para comprar um delicioso pão caseiro para o jantar desta noite que seria regado a vinho, queijos e pão.

Amélie saindo com o sorvete ainda na mão

Amélie saindo com o sorvete ainda na mão

L´artisan Cheese

Já não poderíamos comer mais nada. Ainda duvidávamos se teríamos apetite para o jantar, mas como queijolátras inveterados não pudemos deixar de passar pelo L´artisan Cheese. Apesar de mais arrumadinho que o Apostle Whey Cheese o lugar tinha mais pose que sabor.

Como não poderia deixar de ser o logo também tem uma vaquinha

Como não poderia deixar de ser o logo também tem uma vaquinha

Claro que experimentamos todos queijos da degustação, mas o atendimento também não era grande coisa, talvez porque o local estivesse cheio de turistas. Acabamos saindo sem comprar nada. Pelo menos a visão dos imensos rolos de feno a beira da estrada valeu a pena.

Paisagem inexistente no Brasil

Paisagem inexistente no Brasil

Da nossa última parada voltamos para Great Ocean Road e rumamos direto para Melbourne onde nos dia seguinte voaríamos para conhecer as belezas do outback australiano.

Veja Também:

Lugares Únicos no Mundo – 12 Apóstolos – Austrália

Lugares Únicos no Mundo – Uluru – Austrália

Lugares Únicos no Mundo – Fraser Island – Austrália

Nossa… Só podia ser mesmo Noosa – Austrália

TOP 10 Austrália – Mais 10 Lugares Imperdíveis

Dicas para dirigir na Austrália

Sabores do Uzbequistão – Palov

Cooking Class – Culinária Tailandesa


Responses

  1. […] Rota Gourmet na Great Ocean Road – Austrália […]

  2. […] Rota Gourmet na Great Ocean Road – Austrália […]

  3. Maravilha!

  4. […] Rota Gourmet na Great Ocean Road – Austrália […]

  5. […] Rota Gourmet na Great Ocean Road – Austrália […]

  6. […] Rota Gourmet na Great Ocean Road – Austrália […]


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: