Publicado por: Quatro Cantos do Mundo | 09/12/2015

Apresentação do 51° Encontro dos Viajantes – Conheça a Europa de graça: Faça um trabalho voluntário no WWOOF!

No último sábado (05/12/2015)  nossa amiga Cibele Fabichak nos contou sobre sua experiência como voluntária no WWOOF (World Wide Opportunities on Organic Farms).  O programa de voluntariado teve origem na Inglaterra com a secretária Sue Coppard que passava os fins de semana trabalhando em fazendas orgânicas. A sigla original era de Working Weekends on Organic Farms, mas a ideia tomou corpo e cresceu tanto que hoje está espalhada pelo mundo em mais de 50 federações de WWOOF.

Convite Cibele Fabichak 05122015

Para ser um voluntário é simples. Basta entrar na página da federação do país escolhido para voluntariar. A Cibele escolheu Portugal para ter sua primeira experiência. Paga-se a taxa de manutenção que varia de país para país. No caso de Portugal são 15 euros pelo período de um ano. A segunda etapa é buscar por uma fazenda que mais se encaixe com seu perfil.  A sugestão é usar todas as ferramentas de busca de informações disponíveis na internet como avaliações do booking (caso a fazenda também tenha hospedagem), perfil dos proprietários no Facebook e uma boa conversa pelo skype numa etapa posterior.

Uma vez acertados datas, dias de folga e todos os detalhes do período de trabalho você está pronto para colocar a mão na massa. Cibele ressaltou que não é necessário ter experiência prévia no campo para ser um WWOOFER. Ela discorreu sobre seu dia a dia na propriedade rural e ainda deixou sete dicas para que sua experiência seja um sucesso. A primeira delas é ganhar a confiança do proprietário. Veja todas as outras na apresentação abaixo.

Você terá tempo livre para fazer turismo e a Cibele nos mostrou as belezas do Alentejo que além de muitos castelos tem um ótimo vinho e comida. E quem não se anima a ser um WWOOFER depois de tantas experiências boas como as da Cibele.

 Veja Também:

10º Encontro: Bangladesh e o Grameen Bank

6º Encontro – Conhecendo os países Baltícos através do trabalho voluntário

Foi para Portugal perdeu o lugar? Não, perdeu a palavra

Milionários excêntricos no Solar do Vinho do Porto – Porto – Portugal

Lenda de Montemor-o-Velho


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: