Publicado por: Quatro Cantos do Mundo | 20/03/2016

Apresentação do 52º Encontro dos Viajantes – A China pelo olhar de um Laowai quase chinês

No dia 12/03/2016 nosso convidado William Fernandes desvendou os segredos milenares da China. Só quem conviveu com o dia a dia chinês por um ano e meio poderia nos revelar tantos segredos. Para quem quer saber como ele conseguiu permanecer tanto tempo por lá, o curso de mandarim foi a chave do seu sucesso. Will estudou este idioma tão complicado por um ano e consegue se virar bem na terra de Mao com ele.

Sua palestra foi dividida em quatro partes: Fatos da China, Viajando, Cotidiano e choques culturais e devo ir a China?

Will começando sua apresentação

Will começando sua apresentação

Em Fatos da China ele nos contou um pouco sobre a população e seus grupos étnicos, localização, moeda, idioma, religião, sobre o passado milenar, o tão contestado regime comunista e sobre o paradoxo de abertura econômica mas não política. Só estes assuntos já renderiam discussões por dias a fio.

Mas ele deu sequência listando os locais turísticos que já conheceu e os que ainda pretende visitar. Ele viveu em Shangai, a maior cidade da China com mais de 20 milhões de habitantes e sua culinária típica deliciosa mas que segundo ele o fazia visitar o banheiro inúmeras vezes. Também se encantou por Pequim com a muralha mais famosa do mundo bem pertinho e sua fascinante cidade proibida.

Destacou Chengdu, a cidade dos pandas e diversas viagens bate volta desde lá.

Falando de Chengdu

Falando de Chengdu

Xian e seus guerreiros de terra cota não poderiam ficar de fora, mas o que pouca gente sabe é que a cidade também é local da trilha mais perigosa do mundo a beira de um precipício. E ai, vai encarar? Ele encarou e nos trouxe as fotos.

Segundo ele, ficaram faltando Guilin e o Tibet para quando voltar a China.

A seção cotidiano e choques culturais é sem dúvida a mais engraçada. Ele nos contou como ficou perplexo ao entrar em um banheiro público pela primeira vez e dar de cara com dois rapazes defecando e batendo papo como se fosse a coisa mais normal do mundo, e para eles é mesmo.

Ou quando sacou uma bolada em dinheiro do banco e foi pagar seu curso de mandarim como um bom chinês. Até carro zero quilômetro é pago cash com mala de dinheiro.

Também ficou surpreso com a quantidade de escarradas que os chineses soltam todos os dias em qualquer lugar e sem cerimônias. Este costume também se estende ao puns.

Bate papo descontraído ao término da apresentação

Bate papo descontraído ao término da apresentação

Na última seção da palestra ele dá algumas dicas para quem quer ir a China e não passar por muitos apertos. Confira tudo isso nos slides abaixo.

Will também trouxe alguns vídeos para ilustrar seu dia a dia. Veja abaixo um pedaço da aula de mandarim. Hilário

Neste vídeo como o trânsito além de carregado pode ser ensurdecedor. A buzina é usada em 100% do tempo.

No vídeo abaixo o maior congestionamento do mundo. Esta auto estrada ficou deste jeito por nove dias consecutivos durante um feriado, Insano.

E finalmente atendendo a pedidos segue o vídeo com a Apresentação do 52º Encontro dos Viajantes – A China pelo olhar de um Laowai quase chinês na íntegra. Quem perdeu pode assistir tudinho aqui. Só não dá para fazer perguntas.

Gostou? Então veja também.

Veja Também:

Lugares Únicos no Mundo – Angkor Wat – Camboja

Lugares Únicos no Mundo – Halong Bay – Vietnã

Roteiro de 15 dias no Japão

O Número 2 ao redor do mundo

Reclama do trânsito de São Paulo agora que eu quero ver – Vietnã

Seres Humanos: tão iguais ou tão diferentes? – Nha Trang – Vietnã

As Excentricidades de uma ex-república soviética chamada Uzbequistão

10 Hábitos estranhos que vimos em Nossa Viagem de Volta ao Mundo

 


Responses

  1. Puns, senhor? Ah não.

  2. Muito legais as informacoes.
    Lugar interessante de se visitar.
    Vou mostrar pra minha sobrinha que quer estudar mandarim.

  3. […] Apresentação do 52º Encontro dos Viajantes – A China pelo olhar de um Laowai quase chinês […]

  4. […] Apresentação do 52º Encontro dos Viajantes – A China pelo olhar de um Laowai quase chinês […]


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: